Buscar: Newsletter:

Brasil

Na Alemanha, dançarinos e atores brasileiros denunciam o golpe

DO BAHIA TODO DIA 10/06/2016 | 10h00

Intérpretes do Projeto Brasil, mostra de dança e teatro que passa por várias cidades da Alemanha, que reúne cerca de 30 espetáculos brasileiros, levantaram módulos com letras que formavam a frase "Against the Coup in Brazil" (Contra o Golpe de Estado no Brasil). O ato aconteceu no final de maio, em um festival, em Frankfurt. No mesmo evento, houve manifestações similares da Cia Hiato e do coreógrafo Marcelo Evelin.

A imagem (foto que ilustra a matéria) ganhou um encarte no jornal Frankfurter Allgemeine, principal diário da Alemanha, cuja edição impressa foi de 64 mil exemplares. Nesta sexta (10), quando o Brasil será sacudido por manifestações em quase todas as capitais contra o governo golpista, outros protestos ocorrerão no mesmo festival. "Preparamos cartazes e mostraremos ao final da sessão", diz Karin Serafin, dançarina do grupo de dança Cena 11. Ela informa que será um protesto silencioso. "As manifestações que tenho acompanhado são assim. E há inclusive manifestações que partem da plateia", diz ela. 

A primeira manifestação internacional contra o golpe no Brasil em um evento cultural aconteceu no Festival de Cannes, em 17 de maio, quando o cineasta Kleber Mendonça Filho, a atriz Sônia Braga e, com eles, o time de atores do filme "Aquarius", levantaram cartazes denunciado a situação política do país, com a quebra das regras democráticas.  



Bahiatododia - o site da notícia - © Copyright 2011 a 2016 | Todos os direitos reservados.