Buscar: Newsletter:

Diversidade LGBT

GGB anuncia agenda 'Maio da Diversidade' com mais de 90 ações

DO BAHIA TODO DIA 03/05/2014 | 12h42

 

Acontece na próxima quinta (8), às 15h, no auditório da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), a II Edição do Projeto Maio da Diversidade, realizado pelo Movimento LGBT da Bahia em parceria com a Secretaria de Justiça Cidadania e Direitos Humanos (SJCDH) e órgãos públicos municipais de Salvador. O evento reúne mais de 90 atividades voltadas ao combate da homofobia, com ações na capital e em vários municípios baianos. 

O Maio da Diversidade é considerado como a maior agenda de atividades de combate ao preconceito contra os LGBTs no Brasil. Entre as atividades, destaque para a assinatura do decreto que cria o Centro de Referência LGBT de Salvador pelo prefeito ACM Neto, no dia 16, às 10h. O projeto é uma indicação da vereadora Fabíola Mansur (PSB) em parceria com o Grupo Gay da Bahia (GGB)

No mesmo dia 16, mas às 14h, na SJCDH, no Centro Administrativo da Bahia, acontece a posse dos conselheiros que irão compor o Conselho Estadual LGBT na SJCDH, que tem como finalidade propor políticas governamentais de combate a homofobia. “ A Bahia sai na frente, graças ao esforços da coletividade imbuída no combate a homofobia”, declarou Paulette ‘Furacão’, coordenadora do Núcleo LGBT da SJCDH. 

A programação festiva no dia 17 de maio tem lugar reservado no Pelourinho. A Praça Tereza Batista recebe a partir das 19h o espetáculo performático Sou Transformista, Mereço Respeito, com direção de João Fíguer. O momento mais esperado da noite acontece às 21h20, com o show da cantora Aila Menezes, uma das finalistas do The Voice Brasil. Ela expressou felicidade por fazer o encerramento das ações. “Gratificante, contribuir com causas sociais, felicidade dupla porque é também dia do meu aniversário”, disse. 

 

História

Em 17 de maio de 1990, a Assembleia Geral da Organização Mundial de Saúde retirou o "homossexualismo" da Classificação Internacional de Doenças (CID), declarando que “a as relações entre pessoas do mesmo sexo não constituem doença, nem distúrbio e nem perversão”. Desde então, foi adotado o termo "homossexualidade", que se refere ao comportamento, e não mais o termo "homossexualismo" que passava a idéia de doença. “ A homossexualidade é uma orientação sexual, natural e saudável”, reforça Marcelo Cerqueira presidente do Grupo Gay da Bahia (GGB). 

 

Programação



 

 

 

 

Horário 

Atividade

Local

6 de maio, 15h 

Epidemia do ódio: Exposição de imagens, fotos e cartazes denunciando a violência contra os LGBT;  

Grupo Gay da Bahia 

Ladeira de São Miguel, 24 – Pelourinho. 

71 9989 4748 

8 de maio, às 14h

Lançamento da programação oficial da II Edição Maio da Diversidade na Bahia. 

Auditório da Assembleia Legislativa da Bahia 

CAB. 

16 de maio, 10h 

Assinatura do Decreto Municipal pelo prefeito ACM Neto que cria o Centro de Referência LGBT de Salvador. 

Gabinete do prefeito municipal. 

Praça Tomé de Souza, Centro.

71 9989 4748  

16 de maio, 14h. 

Cerimônia de pose dos Conselheiros do Conselho Estadual LGBTT. 

Auditório da SJCDH.

CAB.

17 de maio,

das 19h às 1h (18/05)

Espetáculo de dublagem “Sou transformista, mereço respeito”.

Lançamento do site Dois Terços. 

Show de encerramento com Ayla Menezes. 

Praça Tereza Batista

Pelourinho. 

Entrada frança. 

30 de maio, das 14 às 17h 

Os gays e a ditadura militar: 50 anos do golpe 

CEAO/UFBA 

Largo 2 de Julho 

Entrada França 

 



Bahiatododia - o site da notícia - © Copyright 2011 a 2016 | Todos os direitos reservados.